Letra Cursiva

Para que a alfabetização seja “vivenciada pelo corpo”, utilizamos diversos recursos. O treino sem consciência e sem significado não indica que a criança aprenda, realmente, a transferir a escrita adequada para as diversas situações de sua realidade. O parâmetro correto, a prática e a orientação ao aluno para que faça sempre o melhor são fundamentais para seu bom desenvolvimento. A construção da escrita engloba alguns aspectos importantes, dentre eles os aspectos psicomotores: concentração, postura adequada, controle de força ao escrever (apenas para sustentar o movimento, sem “pesar” o lápis sobre o papel), ritmo, dominância lateral definida, lateralidade, orientação espacial, sucessão temporal para as sequências gráficas, praxias global e fina. Dessa forma, para trabalhar a escrita, o movimento e o traçado das letras vogais cursivas, os alunos do primeiro ano D e E passaram por algumas etapas divertidas. Primeiramente, andaram sobre as letras feitas com corda. Em um segundo momento, praticaram o traçado das letras, na lousa, possibilitando um movimento de ombro em um espaço maior, facilitando a compreensão do traçado. Em outro, treinaram as vogais cursivas na caixa e no tanque de areia, trabalhando a coordenação motora fina, para, finalmente, realizarem a escrita, no caderno, onde a atividade foi feita com maior facilidade e melhor compreensão.

 

Clique aqui para mais fotos.

Galeria

UA-123695123-1